03/04/13

VINHEDO

DATA DA EXPEDIÇÃO: 13.02.2012
DESTINO: Estação Vinhedo
LOCALIZAÇÃO: Município Vinhedo – SP
COORDENADAS: 23° 1’46.59″S 46°58’16.49″W
TRILHOS NO LOCAL: Sim, em pleno uso
ANO DA CONSTRUÇÃO: 1872
CONSTRUÇÃO: Companhia Paulista de Estradas de Ferro
STATUS DO PRÉDIO: Em pé, mal conservado e servindo de moradia
EQUIPE DE VIAGEM: Marcelo Tomaz e Claudinéia de Marchi

O FILME:

RESUMO DA EXPEDIÇÃO:
A estação de Vinhedo está localizada numa área central da cidade, mal conservada e com uma pequena composição de 3 vagões abandonados no seu pátio. Recentemente recebi a notícia de que o carro da administração da Fepasa, que por sorte, consegui documentar aqui através das fotos e do mini-filme, havia pegado fogo. Uma pena, pois vai-se mais do que um simples caixote de madeira com banheira e truques, sobre uma linha (vide mini-filme). Vão-se décadas de história que poderiam certamente fazer a diferença na formação de muita gente. No jogo de empurra, a prefeitura diz que a responsabilidade é de uma associação cultural local, mas que também carece de liberações de extinta R.F.F.S.A., enfim um imbróglio daqueles. O prédio é hoje habitado por uma família que, ao que me pareceu, nem cuidar direito do seu cão consegue, pois quando nos viu por lá, foi logo escondendo a sujeira do animal, certamente pensando que éramos da vigilância sanitária. Na estação ainda pode-se ver os trilhos,  os dísticos, o local da placa de quilometragem já sem placa, a cabine de controle mais a frente, a plataforma com suas mãos francesas sustentando a cobertura e o requinte de crueldade: uma pequena antena parabólica em cima do telhado (sinal dos tempos). A estação de Vinhedo é triste e faz questão de mostrar isso, e dela seguimos para Valinhos… >>

FOTOS DO LOCAL:

MAPA DO LOCAL:

POSTER DA ESTAÇÃO:
A cada estação visitada, seleciono uma imagem que julgo melhor refletir a expedição e a transformo num poster, unindo texto e imagem numa combinação de apelo bastante visual.
POSTER VINHEDO

POST ABERTO À COLABORAÇÃO:
A partir da publicação de cada post inicial pelo autor, fica aberto aos colaboradores e interessados, o envio de materiais para mantermos atualizadas as informações sobre cada estação. Este site tem como principal objetivo resgatar através imagens, vídeos e textos um pouco da história ferroviária do país. Todo o conteúdo de cada post inicial é original e produzido pelo próprio autor e sua equipe de viagem, visando contribuir de fato, para o crescimento do acervo de informações sobre cada estação, sua história e seus personagens.

Conteúdos Relacionados:

3Comentários

  1. 03/04/13 às 13:26
    Sonia Facini:

    Marcelo obrigada por nos mostrar esse filme sou
    ferroviária aposentada e gosto muito de ver estaçãoes,
    parabéns pelo seu trabalho.
    Sonia – Rio de Janeiro

  2. 03/04/13 às 13:31
    marcelo:

    Muito obrigado Sonia. Continue acompanhando o site que estou sempre postando ok?

  3. 28/08/13 às 23:26
    marcos antonio silva.:

    ano de sua construção 1872 o que mudou nestá ferrovia.pelo que estámos vendo não muita coisa a ferrovia ainda está em atividade somente no transporte de cargas o que parece.mais no segmento de passageiros foi desátivado por completo.a velha estação ainda resisti a tanto descaso na sua conservação.por esté que aqui estão morando nessa estação.tudo largado com muita sujeiras ao seu redor.trens abandonados em uma plataforma o que parece também está desátivada por completo.apenas uma linha está sendo utilizada nesse segmento de transporte.o que levou a desátivação de passageiros nessa região.o que ouve por completo o fluxo de passageiro caiu ou mais um grande descaso com esses moradores que moram nestá região.como estão sem esté meio de transporte.é tanto descaso com esse patrimonio que tanto deu alegrias na horá de sua construção la trás pelos seu bravos ferroviarios.como foi na epóca de sua inauguração o que foi falado para quem estáva na epóca de sua criação.é hojé o que podemos ver são apenas velhas construções que ainda resiste a tanto tipo de abandono.hojé também em sua volta existe uma pistá por onde deve se trafegar outro meio de transporte para esses moradores.aqui vemos mais um descaso.abs marcelo.

Deixe seu Comentário