23/04/13

VENERANDO

DATA DA EXPEDIÇÃO: 05.10.2012
DESTINO: Estação Venerando
LOCALIZAÇÃO: Município São José do Rio Pardo – SP
COORDENADAS: 21°31’22.62″S 46°54’24.77″W
TRILHOS NO LOCAL: Não
ANO DA CONSTRUÇÃO: 1909
CONSTRUÇÃO: Companhia Mogiana de Estradas de Ferro
STATUS DO PRÉDIO: Em pé, restaurado, particular e servindo de moradia
EQUIPE DE VIAGEM: Marcelo Tomaz e Pedro Gandra de Carvalho

O FILME:

RESUMO DA EXPEDIÇÃO:
Venerando é uma estação muito bonita e encontra-se bem conservada até hoje, o que é raro. Estive lá, e pude ver o cuidado que os atuais proprietários dedicam a ela. É uma estação no padrão Mogiana, um prédio de tijolos aparentes pintados de amarelo, cercada, e com um jardim bem feito na sua frente. Como não pude entrar, não posso afirmar nada sobre as placas de quilometragem e altitude, ou mesmo as lousas, mas acredito que possam sim estar lá. O dístico está bem visível no frontão, e ao seu redor, um pouco à frente, somente algumas casas ainda resistem. Encontrá-la foi relativamente fácil, pois além de todos a conhecerem naquela região, ela fica às margens de uma rodovia asfaltada que vem de São José do Rio Pardo, sentido Mococa, mas pelo que vi, o asfalto não dura muito após a entrada para Venerando. Ao que parece, pelo menos esta estação, remanescente do extinto Ramal de Mococa, terá vida longa. Espero…

COMPLEMENTO ADICIONADO EM 25.04.2013 – Gentilmente enviado por Sérgio Trinca
“Em anexo estou lhe enviando fotos da Estação Comendador Guimarães tiradas de fita VHS, Estação de São José do Rio Pardo, Estação de Venerando, desmanche da estrada de ferro de Mococa e o trem tombado na estrada de ferro “Maria Fumaça”. Espero ter ajudado.”

FOTOS DO LOCAL:

MAPA DO LOCAL:

POSTER DA ESTAÇÃO:
A cada estação visitada, seleciono uma imagem que julgo melhor refletir a expedição e a transformo num poster, unindo texto e imagem numa combinação de apelo bastante visual.
POSTER VENERANDO

POST ABERTO À COLABORAÇÃO:
A partir da publicação de cada post inicial pelo autor, fica aberto aos colaboradores e interessados, o envio de materiais para mantermos atualizadas as informações sobre cada estação. Este site tem como principal objetivo resgatar através imagens, vídeos e textos um pouco da história ferroviária do país. Todo o conteúdo de cada post inicial é original e produzido pelo próprio autor e sua equipe de viagem, visando contribuir de fato, para o crescimento do acervo de informações sobre cada estação, sua história e seus personagens.

Conteúdos Relacionados:

14Comentários

  1. 24/04/13 às 1:05
    Sérgio Trinca:

    Nasci em Venerando bem proximo da estação.
    No dia 16/04/2013 te mandei 14 fotos da estação de Venerando talves você não tenha visto.
    Sou o Sérgio Trinca que quando criança brinquei muito na estação de Comendador Guimarães e tenho varias fotos da estação ainda sem ser demolida.

  2. 24/04/13 às 22:09
    marcelo:

    Puxa Sérgio, recebi sim as fotos e vou postá-las com seus créditos. Obrigado por sempre estar por aqui. E sobre Comendador Guimarães, eu tentei achá-la, mas andei em vão por lá….

  3. 14/07/13 às 0:14
    marcos anotonio silva:

    Marcelo boa noite nessa noite eu entrei novamente na pagina estacoesbrasileiras e curti muito os seus vidéos já enviei alguns comentarios sobre nossas ferrovias abandonadas ou em fucionamento na minha opinião vc deveria envia seu trabalho aos nossos governantes para que eles publicasse na tv e reativasse as estações e linhas de turismo para que aquelas cidades volta-se a ser visitadas.

  4. 14/07/13 às 20:54
    marcelo:

    Valeu Marcos, eu gostaria muito que este Projeto tivesse mais visibilidade, por isso conto com pessoas como vc, para me ajudar nesta divulgação. Abs

  5. 03/08/13 às 5:31
    marcos antonio silva.:

    bom dia marcelo espero ver o mais breve possivel as novas 10 estaçoes que voce conseguiu cataloga no seu trabalho .esse comentarios nesta estação venerando e ver na 6 foto dessa ediçao os trabalhadores retirando os trilho dessa ferrovia naquela epóca o olhar distante desse que vemos com uma alavancar para retiradasdos trilho tanto trabalho para construir ao mesmo tempo para retirar vendo carregar nos ombros os trilhos que 1 dia passou o progresso nessa região e vemos apenas a estação solitaria mas bem conservada mais 1 que não deu lucro ou descasso . até mais marcelo.

  6. 03/08/13 às 5:55
    marcos antonio silva.:

    marcelo deixei algum comentario nesta estação venerando que não postei sobre esses trabalhadores que naquela epóca não tinham se quer proteção nenhuma mais um descasso pelo que vimos nessas fotos bem antiga se quer um equipamento de proteção até hoje e assim falta de manuteção naquilo que existe ao longo de nossas ferrovias que estão ativadas hoje tambem voce não ver trens de passageiro em longo percusso somente dentro das cidades exemplo trns metropolitano. até mais .

  7. 11/08/13 às 23:46
    marcos antonio silva:

    boa noite marcelo esta antiga estaçao e minha favorita gosto de curti sempre os detalhes desta construçao o jardins em volta dela bem conservado mesmo que nao tenha mais a ferrovia como no passado que circulou por algum tempo os trens nesta regiao marcelo ate a minha casa eu estou deixando como esta estaçao na pintura de cor amarela ate mesmo no jardins em frente da entrada principal .nao vai ficar igual a esta estaçao mais sempre vou lembra .bom inicio de semana a todos.

  8. 23/11/13 às 18:38
    Marcos Teixeira da Silva.:

    Esta estação leva o nome do meu trisavo Venerando Ribeiro da Silva, pai de minha bisa, minha bisa ( era filha do segundo casamento de Venerando) Francelina Ribeiro da Silva casada com Teodoro Teixeira da Silva, meu trisavo Venerando é um dos fundadores da cidade de Mococa,

  9. 23/11/13 às 19:55
    Maria Paula Ribeiro Nogueira:

    Sou irmão do proprietário da estação Venerando. Realmente ela não está aberta à visitação. Mas garanto que fazemos todo o nosso possível para mantê-la conservada. Obviamente temos sempre problemas, por se tratar de construção antiga, mas como vc pode constatar ela está linda. Ela não tem as lousas de km nem altitude, mas as de “para cima e para baixo” e trens atrasados ainda estão. Ela passou por uma primeira reforma logo que o antigo proprietário comprou e meu irmão reformou todo o telhado e interior. Não tem o vermelhão no piso da parte do chefe da estação, mas o hidraulico continuam lá. A porta de entrada que dá para o lado que vc filmou foi retirada pelo prop. anterior, mas achei uma bem parecida num brecho para colocar. Não é perfeita, mas bem parecida. O assoalho dos quartos foi lixado e passado sinteco. Temos um pequeno problema com cupins do forro por conta de infiltrações ma junta com a parede, mas temos feito passado produtos regularmente. Enfim, ela está muito bem pra idade que tem.

  10. 25/11/13 às 20:21
    marcelo:

    Olá Maria Paula, obrigado pelas informações. Posso disponibilizá-la no post da estação para enriquecê-lo? Abs

  11. 25/11/13 às 20:21
    marcelo:

    Olá Marcos, tudo bem? Obrigado pelos esclarecimentos. Abs

  12. 17/10/14 às 14:34
    marcos antonio silva:

    aqui sua historia estara viva em seus documentarios e tambem na sua conservação historica de sua construção aqui os trilho se foram mais no quisito de beleza esta viva na sua conservação parabens a todos que consiguiram preserva seus estatos e sua historia ate mais abs

  13. 08/09/15 às 0:01
    José Luiz da Silva:

    Olá Marcelo,meu avô era maquinista da Mogiana e sofreu um acidente com uma Diesel elétrica número 3 comboio misto no Km 59,entre as estações Comendador Guimarães e Venerando.Esta notícia saiu em um jornal de Mococa na época com estes dados.Alguém saberia me dizer mais sobre o acidente ou tem as fotos? Ví as fotos acima,mas não tenho a data que ocorreu o acidente.

  14. 08/09/15 às 18:11
    marcelo:

    Olá José, procure no Facebook por Sergio Trinca, ele provavelmente terá estas fotos. Abs

Deixe seu Comentário