07/08/12

RESTINGA

Saindo de Franca, seguimos direto para Restinga, uma pequena cidade próxima, que nos reservava uma grata surpresa. Uma estação bem conservada, servindo hoje à prefeitura como secretaria da cultura, ainda com os dísticos (mesmo que em modernas letras-caixa), com as placas de altitude e quilometragem, bancos antigos, enfim, era um local aprazível. Andamos por lá, conversamos com moradores locais, documentamos a estação da melhor maneira que pudemos, sempre tentando os melhores ângulos… >>

06/08/12

BAGUASSU

Ir até Baguassu foi uma epopéia divertidíssima. Com uma equipe grande, fomos explorando toda sorte de locais e acontecimentos pelo caminho. Viemos por Emas (cachoeira), e logo que passamos o Rio Mogi-Guaçú fomos em busca da tão badalada e desejada ponte que ligava Emas a Baguassu. Com acesso que conseguimos somente pelo lado de Baguassu, encontramos não só a ponte, como também pegadas imensas de um lobo (ou onça) que pelo frescor da pegada na lama, havia acabado de deixar o local. Bom para nós… >>

06/08/12

FRACALANZA

Eita paradinha simpática essa tal de Fracalanza. Foi assim que a defini mentalmente no nosso primeiro contato. Logo na entrada da cidade, é simples, singela, bem cuidada, e o melhor: sem grandes afetações… >>

06/08/12

GRANDE HOTEL

Estivemos em Campos do Jordão e claro, aproveitamos para percorrer todas as estações e paradas de E.F.C.J. o que nos deu um prazer imenso. A parada Grande Hotel, fica bem em frente ao hotel-escola homônimo, que é um ponto referencial em gastronomia lá no alto na Serra da Mantiqueira. É um prédio conservado, que estava fechado e sem movimento… >>

05/08/12

SANATÓRIOS

Sanatórios, Divina Providência ou Sanatorinhos, enfim, como queiram chamar a antiga parada, é um lugar peculiar, pois de um lado da linha vemos a entrada da cidade de Campos do Jordão, que é uma vista bonita em bem cuidada. Já do lado oposto, existem alguns terrenos abandonados, com muros pichados e bem feios, dando aquela impressão de abandono, típica da maioria das estações brasileiras. A Parada Sanatórios é hoje uma construção exótica (pelo menos ao meu ver), pois lembra uma grande sandália Havaiana vermelha, de cabeça para baixo… >>

05/08/12

VILA JAGUARIBE

Vila Jaguaribe é conhecida como a Mãe de Campos do Jordão, pois foi a primeira vila da cidade. Andar por lá foi interessante, e a nossa busca pela antiga parada não menos. Hoje existem uma banca de revistas no local e um prediozinho bem pequeno e lacrado, onde presumimos era a antiga parada. Nenhum registro oficial, nenhuma informação sobre ela, assim para encontrá-la, novamente utilizamos a quilometragem oficial da E.F.C.J. disponível no site e o já tão famoso bate-papo com os moradores locais… >>

05/08/12

VILA SODIPE

Encontrar a parada de Vila Sodipe não foi das tarefas mais fáceis não. Tivemos que seguir pela linha, acompanhando a quilometragem descrita nos antigos postes para termos certeza de que era ela mesmo quando a encontramos. É hoje apenas uma plataforma de pedras numa região bastante movimentada da cidade (a avenida principal). Perguntamos aos comerciantes locais se era ali mesmo a antiga parada, mas pela cara de espanto da maioria deles… >>

24/07/12

BOA SORTE

Boa Sorte é hoje uma espécie de vilarejo, e pelo que me foi dito pelos próprios moradores locais, surgiu de uma ocupação da área por um grupo de sem-terras há mais de 10 anos. O acesso até lá não é dos mais fáceis, pois da estrada, não se consegue ver a estação, para isso é necessário que se entre na vila por uma outra estradinha, menor e com muito mato ao seu redor. Chegando à estação, o que vimos foi mais uma vez, foi um cenário já conhecidíssimo por nós, o abandono e a depredação quase que total do antigo prédio… >>

24/07/12

PIRACUAMA

Piracuama é um lugar calmo, relativamente afastado e que manteve aquele ar de vila ferroviária antiga até hoje, e ter ido até lá foi uma experiência incrível. Logo que chegamos, nos deparamos com um caminhão de apoio aos romeiros que faziam uma caminhada pela região, e eles escolheram Piracuama como base de apoio, provavelmente pelo clima ameno e acolhedor do local. Piracuama é ainda uma estação da E.F.C.J. mas já não é mais utilizada nem como parada pelos trens turísticos da região… >>

21/07/12

SILVÂNIA

Silvânia como algumas outras estações, caiu no nosso colo de forma inesperada. Estávamos voltando de Bueno de Andrada para Ribeirão Preto, quando ao passarmos pelo vilarejo, resolvemos entrar para dar uma olhada. E não é que saímos bem em frente a antiga estação? Com uma caixa-d’água imponente (realmente chama bastante a atenção), em formato arredondado, a estação hoje já desativada, ainda mantém sua longa plataforma… >>