11/03/13

OURO

DATA DA EXPEDIÇÃO: 30.12.2011
DESTINO: Estação Ouro
LOCALIZAÇÃO: Município Araraquara – SP
COORDENADAS: 21°49’20.42″S 48° 6’18.28″W
TRILHOS NO LOCAL: Sim, em pleno uso
ANO DA CONSTRUÇÃO: 1897
CONSTRUÇÃO: Companhia Paulista de Estradas de Ferro
STATUS DO PRÉDIO: Em ruínas, somente algumas paredes ainda restam
EQUIPE DE VIAGEM: Marcelo Tomaz, José Antonio Thomaz e Raul Otuzi de Oliveira

O FILME:

RESUMO DA EXPEDIÇÃO:
Estive na estação Ouro e pude ver de perto o completo estado de abandono em que ela se encontra. Eu, o meu tio Zé e o meu amigo Raul, andamos por lá e vimos cada detalhe do local, desde as ruínas do prédio, até a composição cargueira que estava parada lá, imagino que aguardando algum tipo de liberação para partir. Ouro está toda depredada, com mato alto ao seu redor, sem telhado, sem portas, sem janelas, sem caixa d’água, sem placas de quilometragem e altitude, enfim, sem dignidade nenhuma. Ouro é um grande prédio amarelo (Ouro?) no meio do mato e da cana, ao lado de uma linha com desvios e algumas chácaras em frente. Lá, fomos abordados por seguranças particulares da operadora ferroviária local, que queriam saber os porquês de estarmos ali e tal. Tudo explicado, seguimos fotografando e filmando o local sem problemas. O nome Ouro é derivado de um Riacho próximo, que por sua vez tem o nome derivado de uma Sesmaria homônima que englobava toda a região de Araraquara. Próximo dali, um entroncamento em construção desviará o fluxo da cidade direto para Tutóia (onde também estivemos), tirando assim a estação de Araraquara da linha. Chegar até Ouro foi relativamente fácil, mas o calor e a composição lá estacionada fechando as passagens de nível, tornou nossa missão um pouco mais complexa… Enfim, nada demais. De lá, seguimos para Chibarro, mas encontramos antes Tamoio… >>

FOTOS DO LOCAL:

MAPA DO LOCAL:

POSTER DA ESTAÇÃO:
A cada estação visitada, seleciono uma imagem que julgo melhor refletir a expedição e a transformo num poster, unindo texto e imagem numa combinação de apelo bastante visual.
POSTER OURO

POST ABERTO À COLABORAÇÃO:
A partir da publicação de cada post inicial pelo autor, fica aberto aos colaboradores e interessados, o envio de materiais para mantermos atualizadas as informações sobre cada estação. Este site tem como principal objetivo resgatar através imagens, vídeos e textos um pouco da história ferroviária do país. Todo o conteúdo de cada post inicial é original e produzido pelo próprio autor e sua equipe de viagem, visando contribuir de fato, para o crescimento do acervo de informações sobre cada estação, sua história e seus personagens.

3Comentários

  1. 11/03/13 às 20:00
    Natan:

    A estação do Ouro recebeu esse nome por causa do córrego do Ouro, que passa por ali e vai até Araraquara. Na verdade, o nome vem de algo mais antigo: a antiquíssima sesmaria do Ouro, que englobava os Campos de Araraquara e mais uma vasta região.

  2. 11/03/13 às 20:07
    marcelo:

    Valeu Natan pela informação. E claro, quem puder complementar ainda mais, será sempre muito bem-vindo!

  3. 15/08/13 às 17:38
    marcos antonio silva:

    mais uma visita neste cenario abandonado que apenas trafegam os trens apenas de cargas o principal foi descartado como sempre.vidas olhando para esta que um dia foi um estacao tudo ali destruido e abandonado sem manutençao e a natureza esta como sempre retomando o que lhe pertence.tudo isso que vemos na sua reportagem marcelo que ninguem que esta no poder se preocupa com a historia de nossas ferrovias que tanto trabalharam para desbrava este brasil que muitos brasileiros nao apenas conhece o que pode se oferecido neste trajetos se for reativado.abs.

Deixe seu Comentário