17/11/11

GUATAPARÁ VELHA

DATA DA EXPEDIÇÃO: 10.09.2011 e 29.09.2011
DESTINO: Estação Guatapará Velha 
LOCALIZAÇÃO: Município Guatapará – SP
COORDENADAS: 21°29’55.15″S 48° 2’18.63″W
TRILHOS NO LOCAL: Não
ANO DA CONSTRUÇÃO: 1914
CONSTRUÇÃO: Companhia Mogiana de Estradas de Ferro
STATUS DO PRÉDIO: Ainda em pé e conservado, servindo de moradia
EQUIPE DE VIAGEM: Marcelo Tomaz, Jeferson Tomaz Querino, Fábio Cuervo e Vinicius Costa

O FILME:

RESUMO DA EXPEDIÇÃO:
Guatapará é uma cidadezinha às margens do Rio Mogi-Guaçu que tem sua história bastante atrelada às ferrovias. Por lá passavam as Companhias Mogiana e Paulista, bitolas larga e estreita dividindo o mesmo espaço no então distrito de Ribeirão Preto. Estar lá foi muito legal, a velha estação é muito charmosa e serve hoje como moradia, o seu proprietário (André, se não me engano), foi muito gentil e nos abriu as portas da estação para que víssemos de perto, os detalhes com que eles já se acostumaram a conviver há anos. Os dísticos estavam desbotados mas ainda lá, e a placa de quilometragem e de altitude também, mas as lousas de informação não. O grande armazém em frente é imponente, mas da velha estaçãozinha da Mogiana, sobrou apenas resquícios de beleza e história. Seguir pelo leito da antiga linha da Mogiana nos levou até a velha ponte de 1901 (vide fotos abaixo) que é impressionante, ferro e ferrugem juntos sobre um rio poluído, mas com um visual lindo. Ao passar ali pela primeira vez, notei 2 homens sentados na velha ponte sob um calor de 40 graus tomando 2 cervejas, o que me deu uma enorme vontade de fazer a mesma coisa, mas naquele dia não houve tempo. Voltar lá foi a solução para matar esta vontade, e o melhor, durante a semana, numa tarde de dia útil. Realmente nosso dia lá foi MUITO ÚTIL, pelo menos para este projeto.

FOTOS DO LOCAL:

MAPA DO LOCAL:


POSTER DA ESTAÇÃO:
A cada estação visitada, seleciono uma imagem que julgo melhor refletir a expedição e a transformo num poster, unindo texto e imagem numa combinação de apelo bastante visual.

POST ABERTO À COLABORAÇÃO:A partir da publicação de cada post inicial pelo autor, fica aberto aos colaboradores e interessados, o envio de materiais para mantermos atualizadas as informações sobre cada estação. Este site tem como principal objetivo resgatar através imagens, vídeos e textos um pouco da história ferroviária do país. Todo o conteúdo de cada post inicial é original e produzido pelo próprio autor e sua equipe de viagem, visando contribuir de fato, para o crescimento do acervo de informações sobre cada estação, sua história e seus personagens.

1Trackbacks/Pingbacks

  1. Pingback: Guatapará – Mogi-guaçu -Mogiana | em 09/06/2014

5Comentários

  1. 21/08/13 às 5:11
    marcos antonio silva.:

    1914 o que ocoreu desté a sua ináuguração apenas sonhos desiluções para quem pensou que está ferrovia séria o grande futuro destá região.sé nessa epóca foi tudo mais com o futuro que vivemos hojé o que restou dessa antiga ferrovia apenas sua velha estação que virou morádia o armazém em sua frente também sobreviveu com o passar dos anos.é a velha ponte toda cheia de ferrugem é o que me parece tudo foi importado mais mesmo assim ninguém nunca importou com esses detalhes que vemos nesse documéntários sobre nossa ferrovias quem viveu essa epóca de sonhos jamais nunca imáginou que um dia tudo isso fosse acabar por completo por mais um descaso desses governo e autoridades .que nunca importou com a memória de seu trabalhadores que lutaram para a construção de um verdadeiro patrimonio que se chama ferrovia ou estada de ferro como nós sabemos .tudo foi retirádo sem pedir permisão para a população deste tamanho descaso com esse que já foi uma grande ferrovia neste local hojé só sonhos não há mais esperança para reativa o que foi é sempre será a ferrovia.abs

  2. 23/06/14 às 23:34
    marcos antonio silva:

    a cada por do sol já se passou 113 anos deste sua construção de uma historia sobre trilhos que levou prosperidade a diversas regiões que dependia desse transporte a velha construção da estação ainda resiste como a velha ponte vinda de outro pais por quanto tempo ainda vai resistir só o tempo pode decidir por ela aqui mais uma velha ferrovia que não existir mais isso faz parte de nosso pais se construí e destrói a riqueza sobre trilhos ate mais marcelo

  3. 22/09/14 às 23:44
    marcos antonio silva:

    boa noite Marcelo so uma pergunta nesse comentário sobre o tema estaçoesbrasileiras quantas destas ferrovias em suas postagens ainda continua em plena atividades nos dias de hoje em nosso estado você tem a resposta para nos aguardo abs.

  4. 27/04/15 às 0:58
    marcos antonio silva:

    quantas belezas que deixaram de fazer parte dessas ferrovias que em sua margens propocionava as belezas naturais que componha um passado de conquista e lutas de muitos mais que infelismente com o passar dos anos boa parte de muitas delas deixaram de existir por falta de interesse por parte de nossos governos que ao inves de preservar deixaram muitas se apaga em muitas formas deste no transporte de cargas e passageiros esse e o retrato verdadeiro de nossa malha ferroviaria de nosso estado chamado são paulo o estado que mais desativou-se ferrovias ao longo dos anos por falta de ivestimentos ou simplesmente deixaram nas mãos dessas logisticas que não fazem nada para recuperar a verdadeira historia ferroviaria em nosso estado e pais hoje nos dias atuais tudo e transportado atraves das rodovias todas privatizadas com altos pedagios em muitos percusos que se possa se imaginar em sua frente enquanto nas ferrovias o pouco que resta não existe uma forma em recuperar essa maravilha chamada estrada de ferro por onde existiu ou possa ainda existir basta querer recuperar para diversas formas possivel ferrovias o sonho de muitas ja esta no passado que jamais voltara nos dias de hoje abs.

  5. 13/03/16 às 22:16
    marcos antonio silva:

    hoje em 2016 o grande descasos com nossas malhas ferroviaria esta situada em são paulo o grande fluxo que havia no passado não tão distante se resume em trafego dentro dos municipios que abrange a região de são paulo mais o principal entre os estado tudo se acabou por completo por falta de compentencia de empresas que aqui domina as estradas de ferro desde suas privatizações hoje e triste de ver nas estaçõesbrasileiras o que foi de nossas ferrovias dentro do estado de são paulo quantos kilometros de ferrovias estão parado em nosso estado por falta de interesse dessas empresas que aqui chegou e apagou tudo que havia no trafego de passageiros entre o estado litoral e interior hoje existe tantas ferrovias que estão parada exemplo a estação passagem no meu ver quantos kilometros de ferrovias abandonadas varios galpoes que faziam parte de sua historia hoje tudo la parado ponte caido sobre o rio que fazia parte de seu caminho quantos dinheiro jogado fora tudo isso poderia ser reativado para outros fins como por exemplo no transporte de turismo ligando varias cidades de nosso interior mais quem esta no poder da concessão pouco importa e preferil deixar tudo se acabar do que reativar esta historia que foi construida com tanto esforço de muito esse e o nosso brasil cheio de mando e desmando em varias regiões abs marcelo de marcos silva carapicuiba sp.

Deixe seu Comentário