25/07/13

CUBATÃO

DATA DA EXPEDIÇÃO: 09.11.2012
DESTINO: Estação Cubatão
LOCALIZAÇÃO: Município Cubatão – SP
COORDENADAS: 23°53’28″S 46°25’11″W
TRILHOS NO LOCAL: Sim, em pleno uso para cargas
ANO DA CONSTRUÇÃO: 1867
CONSTRUÇÃO: São Paulo Railway
STATUS DO PRÉDIO: Em pé, serve como centro cultural municipal
EQUIPE DE VIAGEM: Marcelo Tomaz e Claudinéia de Marchi

O FILME:

RESUMO DA EXPEDIÇÃO:
Cubatão é atualmente um centro cultural denominado “Estação das Artes” e está localizada na estrada velha de Santos. Estive lá num dia chuvoso e ficou difícil explorar o lugar em detalhes, mas acredito que ainda assim, consegui bons registros. É um prédio de construção “moderna”, com duas plataformas grandes, sendo uma de cada lado da linha, unidas por uma antiga e bela passarela (estilo SPR) de ferro, já bem enferrujada e desgastada. É um local de grande movimento de carros e caminhões e quando estive lá, consegui acompanhar a passagem de um trem cargueiro que seguia no sentido Santos (vide mini-filme). Existem atrás da estação, algumas casas bem antigas e de construção extremamente rústica, que podem sim, ter sido da época da São Paulo Railway, mas nem isso pude comprovar. Ainda por lá, não pude constatar a existência dos dísticos, que imagino não existirem mais, nem as placas de quilometragem e de altitude, pois infelizmente não tive acesso ao interior da plataforma, sendo assim, colhi o máximo de imagens dos locais por onde andei e segui para Areais, no meio de um brejo lascado, como vocês poderão conferir no post de Areais, clicando aqui!

FOTOS DO LOCAL:

MAPA DO LOCAL:

POSTER DA ESTAÇÃO:
A cada estação visitada, seleciono uma imagem que julgo melhor refletir a expedição e a transformo num poster, unindo texto e imagem numa combinação de apelo bastante visual.
POSTER CUBATÃO

POST ABERTO À COLABORAÇÃO:
A partir da publicação de cada post inicial pelo autor, fica aberto aos colaboradores e interessados, o envio de materiais para mantermos atualizadas as informações sobre cada estação. Este site tem como principal objetivo resgatar através imagens, vídeos e textos um pouco da história ferroviária do país. Todo o conteúdo de cada post inicial é original e produzido pelo próprio autor e sua equipe de viagem, visando contribuir de fato, para o crescimento do acervo de informações sobre cada estação, sua história e seus personagens.

3Comentários

  1. 27/07/13 às 19:40
    marcos antonio silva:

    boa tarde MARCELO. bela paisagem em torno desta estaçao pena que so exita os trens de carga nesta regiao mesmo assim esta bom.boa sorte no seu trabalho sobre nossas estaçao. abraço

  2. 14/08/13 às 2:19
    marcos antonio silva:

    o que podemos ver nessas reportagens marcelo o que o governo tentou fazer foi esquecer tudo que um dia foi construido com tanta luta por tantos trabalhadores nessas ferrovias. o que eles fizeram foi como de costume construir e abandonar o que nao for mais para eles aproveitoso e descartado como um copo plastico no lixo por isso mais uma vez graças ao seu trabalho podemos ver tudo isso que tanto levou alegria no passado para tanatas cidades do interior e hoje so resta tristeza.se algum dia marcelo voce puder pergunta para esses politicos qual seria sua perguntas para eles sobre nossas ferrovias. abs marcelo fica com deus.

  3. 05/11/14 às 20:28
    marcos antonio silva:

    como e triste de se ver que hoje o tempo passou para muitas dessas estações e ferrovias que vemos aqui graças ao seu trabalho e esforços de sua equipe em detalhar em mostrar o que foi da historia de nossas ferrovias em que ponto muitas delas chegaram em completo abandono e descasos em suas estrutura e conservação por estes que aqui chegaram e nada fizeram para preserva esse patrimonio que levou anos para se construido com tantos esforços de tantos colaboradores no periodo que ninguem jamais com o decorrer dos tempos a velha maquina ferroviaria pudesse chega nesse ponto de total abandonos por estas logisticas que aqui chegou e ganhou sem nenhum esforços para sua conservação em todas as formas possivel hoje o sonho de se travegar por estes trilhos não existe mais quantas ferrovias importante foram desativadas em longos percursos como são paulo e minas gerais hoje tudo isso acabou com suas privatizações desastrozas por estes governos que tiraram o peso de conserva essa reliquia que aqui chegou em nosso pais mais com o passar dos anos muitas delas ja nem se quer existe mais tanto em construções em registros que possa mostra o que foi a verdadeira historia ferroviaria de um tempo que ja mais voltara a brilhar nesse segmento sobre trilhos ate mais marcelo.

Deixe seu Comentário