13/08/13

ANHUMAS NOVA

DATA DA EXPEDIÇÃO: 10.02.2012
DESTINO: Estação Anhumas Nova
LOCALIZAÇÃO: Município Campinas – SP
COORDENADAS: 22°51’31.32″S 47° 1’47.10″W
TRILHOS NO LOCAL: Sim, em pleno uso pela ABPF
ANO DA CONSTRUÇÃO: 1926
CONSTRUÇÃO: Companhia Mogiana de Estradas de Ferro
STATUS DO PRÉDIO: Em pé, e muito bem conservado
EQUIPE DE VIAGEM: Marcelo Tomaz

O FILME:

RESUMO DA EXPEDIÇÃO:
Esta foi sem dúvida, uma das mais importantes expedições que eu realizei nestes quase 3 anos de Projeto. Tanto pelo número de estações visitadas (23 no total), quanto pela importância das mesmas. Ter estado em Anhumas Nova e poder ter sentido na pele aquele “clima ferroviário” foi uma sensação indescritível. Provavelmente por ter ido sozinho, numa jornada um tanto introspectiva, as experiências vividas possam ter ganhado mais relevância e densidade, mas independente disso, o que vocês verão aqui, fala por si só. Anhumas Nova está localizada a uns 300 metros da estação Anhumas Original (infelizmente quando lá estive, não sabia disso e acabei documentando apenas a nova), e fica bem próxima da Rodovia Dom Pedro, praticamente atrás do Carrefour em Campinas. Como sede da A.B.P.F. (Associação Brasileira de Preservação Ferroviária), o local está muito bem conservado, com tudo no lugar, dísticos, plataforma, prédio, hall de entrada, placas, composições antigas, locomotivas à vapor, enfim, é uma locar que merece ser visto, visitado e explorado ao máximo, pois oferece ótimas vivências, tanto para quem viveu este universo, quanto para quem não teve esta oportunidade. Andei por lá, vi cada detalhe, tive que ser breve, pois o tempo era curto e as informações vastas, mas acredito ter conseguido trazer bons conteúdos. O nome Anhumas é derivado de um riacho próximo e também de um tipo de ave que habitava o local. A estação oferece um passeio turístico que segue até Jaguariúna, e que espero poder fazer um dia. Fica a dica de um lugar interessantíssimo e que você deve incluir no seu roteiro, quando estiver por aquela região. De lá, segui para Viracopos, uma triste realidade perto dessa, o que já é outra história…

FOTOS DO LOCAL:

MAPA DO LOCAL:

POSTER DA ESTAÇÃO:
A cada estação visitada, seleciono uma imagem que julgo melhor refletir a expedição e a transformo num poster, unindo texto e imagem numa combinação de apelo bastante visual.
POSTER ANHUMAS NOVA

POST ABERTO À COLABORAÇÃO:
A partir da publicação de cada post inicial pelo autor, fica aberto aos colaboradores e interessados, o envio de materiais para mantermos atualizadas as informações sobre cada estação. Este site tem como principal objetivo resgatar através imagens, vídeos e textos um pouco da história ferroviária do país. Todo o conteúdo de cada post inicial é original e produzido pelo próprio autor e sua equipe de viagem, visando contribuir de fato, para o crescimento do acervo de informações sobre cada estação, sua história e seus personagens.

7Comentários

  1. 13/08/13 às 20:39
    marcos antonio silva:

    boa tarde marcelo estou novamente curtindo as novas estaçoes de seu documentarios sobre nossas ferrovias esta o que parece ainda bem esta bem preservada com locomotivas a vapor e vagoes ainda de madeira como no passado.esta associaçao brasileiras de preservaçao ferroviaria. esta de parabens pela conservaçao deste patrimonio pena que as outra que aqui vemos nosseu documentarios boa parte esta abandonada a propria sorte e descaso.realmente marcelo esta e um passeio turistico que ninguem pode peder com muitas atraçoes no seu percuso. parabens marcelo pelo seu esforço e dedicaçao para levar a nos seguidores do seu trabalho sobre nossas ferrovias a esta mais uma estaçao que aqui vemos. graças ao seu empenho e luta abs marcelo vou espera as proximas postagem mais uma vez parabens a voce.

  2. 14/08/13 às 1:46
    marcos antonio silva:

    faltou alguns comentarios não so desta estaçao mais de varias outras marcelo ao longo de suas reportagens que voce propociona para nos.( porque de tanto descaso com nossas ferrovias depois do fechamento da antiga fepasa e passou para as maos de grupos de logisticas que atuam hoje nesse segmentos mais o que podemos ver que nossos governos tentaram esconder tudo isso de nos ainda bem que temos voce para divulgar tudo isso o que estamos vendo graças as inumeras reportagens se não fosse suas reportagens nos que estamos do outro lado nunca iriamos saber de tanto abandono de nossas ferrovias de nosso estado de são paulo e minas gerais e outras mais naquilo que voce marcelo puder divulgar ao longo de suas jornadas aqui eu fecho este longo comentarios sobre nossas ferrovias) FICA COM DEUS MARCELO E QUE ELE TE ACOMPANHE NAS SUAS VIAGENS SÃO POUCAS PESSOAS QUE TEM CORAGEM DE MOSTRA A VERDADEIRA REALIDADE DO DESCASO DESSES QUE AI ESTAO NO PODE SO PENSANDO EM SI PROPRIO E LEGENDA PARTIDARIAS. ABS MARCELO MAIS UMA VEZ FICA COM DEUS.

  3. 14/08/13 às 2:08
    marcelo:

    Valeu Marcos, vou fazendo o que posso da forma que consigo. Abs e continue acessando, que continuarei postando!

  4. 14/08/13 às 2:24
    Emilio B. Medina Filho:

    Sou filho, neto, sobrinho e irmão de ferroviário, não entendia o porque daquela paixão doentia pela ferrovia, hoje ao ver o que nada sobrou das nossas ferrovias e como é belo o seu trilhar , a fumaça como se carinho fizesse em nossas faces e uma vez por outra soltava uma faísca que com certeza ia nos nossos olhos. Ai que saudades dá daquela época , coisas belas , onde se via uma luizinha lá longe outra acola , meu tio que foi chefe ( Alcides) de deposito em Santos pela EFS, meu irmão (Betão) que era o melhor na carpintaria, outro tio que foi chefe de deposito em Assis ( Baltazar) e meu pai que foi chefe do Escritório em Santos , eu não entendia o porque daquela dedicação e Amor , agora sim eu sei, são uns verdadeiros Pioneiros da Ferrovia , que infelizmente os nossos governantes acabaram com esta preciosidade.
    Graças a pessoas talentosas ainda hoje podemos curtir e sentir os prazeres desta paixão .
    Obrigado aos idealizadores deste projeto.
    Um forte abraço de um quase ferroviário.
    Medina.

  5. 14/08/13 às 13:24
    João Batista do Lago:

    Prezado Sr Marcelo,

    Fui ferroviário por 10 anos na antiga ESTRADA DE FERRO SOROCABANA, posteriormente, FEPASA, e saí em novembro de 1969. Sem sombra de dúvidas foi o melhor tempo de minha vida profissional. Meu pai, meu irmão e meus tios foram ferroviários, profissão da qual tive o prazer de compartilhar, com muito orgulho e até hoje tenho saudade e boas recordações desse meu período de vida.
    Dessa forma, me alegrei e muito ao me deparar com esse site através de um repasse feito por um colega de atividade bancária.
    Gostei muitíssimo da forma em que está ou esteve sendo efetuada e gostaria de receber mais dados e atualizações sobre esse importante meio de transporte de passageiros e de carga.
    Um grande abraço deste simples saudosista,

    Joao Batista do Lago

  6. 14/08/13 às 23:32
    marcos antonio silva:

    ola marcelo mais um comentario sobre nossas ferrovias.em nosso estado de são paulo varios manifestante sairam na avenida paulista em protesto contra o governado de são paulo a respeito de super faturamento nas obras do metrõ e companhia de trens metropolitana. com a empresa que esta fazendo as obras desta 2 companhia dentro do estado de são paulo como todo sabe que a siemens empresa multi nacional que opera em varios paises com todo esse dinheiro que foi pago a esta empresa dava para recupera boa parte da malha ferroviaria detro do nosso estado a estimativa de propina chega a 500.000 milhoes de reais muita grana jogada dentro do ralo por esse governo e marcelo mais um descaso desses que ai estao no poder enquanto isso nossa malha ferroviaria esta em coma a espera de algum milagre de uma pessoa de coragem e pulso firme.abs marcelo ate mais.

  7. 12/09/13 às 3:56
    marcos antonio silva.:

    ola marcelo mais um comentário sobre o que foi o grande orgulho no passado sobre o tema ferrovia.o que parece nos dias de hojé que o nosso governo federal que investir no tren bala. entre os estados de são paulo e rio de janeiro.para que esse projeto se não vai ficar pronto para a copa do mundo para que vai servi esse meio de transporte nesse dois estado.a estimativa para sua construção é no valor de 38.000 milhões de reais nos dias de hojé.ai vem o super faturamento na obra como sempre.com esse valor marcelo dava para recuperar boa parte da malha ferroviaria que estámos vendo abandonada ao longo de tantos governos que entra é sai é nunca é feito nada para recuperar essa riqueza que foi deixada.pelos bravos ferroviarios. hojé o que podemos ver novamente com esse tema ferrovia é na realidade um grande descaso.de tantos abandonos é vem o nosso governo federal falar em trem bala para que vamos recuperar o que já existé ai parado .tantas ferrovias em nosso estado é regiões abandonadas a propria sorté.de anos de descaso desses govenos estadual é federal olha muito exemplo de ferrovias é estaçoes abandonadas em nosso estado ferrovias que foram construidas com tanto esforço é dedicação para levar o progresso a tantas cidades do interior é derepente tudo foi desátivado .sem nenhum esforço sem se preocupar com esses moradores as suas margens dessas ferrovias que hojé podemos ver graças ao trabalho dessa pessoa que se dedicar tanto para resgatar a pouco que restá dessa história de tantas glorias é luta para desbravar fronteiras no meio desse grande estado chamado são paulo é hojé tudo é esquecido de proposito quanto tempo levou para cada uma dessas estações juntamente com a ferrovias na sua construções.quanto se gastou naquela epoca em cada uma delas para que hojé mais uma vez tudo abandonadas.esperando sumi do mapa por completo.vamos pegar esse 38.000 milhões é vamos reativar boa parte delas.anquelas que tem condições de ser aproveitadas nesse segmento chamado ferrovias.sonhos que não volta mais. saudades que não existé mais.investimento que ficou para trás.abs marcelo até o proximo coméntarios.

Deixe seu Comentário