01/04/13

ANA COSTA

DATA DA EXPEDIÇÃO: 08.11.2012
DESTINO: Estação Ana Costa
LOCALIZAÇÃO: Município Santos – SP
COORDENADAS: 23°57’31.82″S 46°19’56.03″W
TRILHOS NO LOCAL: Não
ANO DA CONSTRUÇÃO: 1913
CONSTRUÇÃO: Southern São Paulo Railway
STATUS DO PRÉDIO: Em pé e bem conservado, é hoje a “Estação da Cidadania de Santos”
EQUIPE DE VIAGEM: Marcelo Tomaz e Claudinéia de Marchi

O FILME:

RESUMO DA EXPEDIÇÃO:
Estive na Estação Ana Costa, que encontra-se localizada num cruzamento extremamente movimentado em Santos (Av. Dona Ana Costa e General Francisco Glicério), praticamente dentro de um hipermercado. Está restaurada e servindo como Estação da Cidadania local. É um prédio amarelo bonito, com um relógio grande logo na entrada e um amplo recuo de paralelepípedos à sua frente, possibilitando uma bela vista frontal do prédio. Não vi sinais de caixa-d’água, nem trilhos próximos ao prédio. O tempo não estava muito bom naquele dia, por isso a passagem por lá foi rápida, mas não menos produtiva, pois acredito que consegui boas imagens para compartilhar com vocês. Hoje, não fosse pela construção histórica do prédio e por alguns trechos da linha, que ainda possuem trilhos ali por perto, nem daria para afirmar que lá foi uma estação ferroviária um dia. Indico a visita apenas para os muito interessados no assunto, pois para se conseguir uma vaga de estacionamento ali nas redondezas, não foi fácil não. Uma opção seria parar o carro no próprio hipermercado, mas como eu não ia comprar nada ali, preferi não ser “mais um espertalhão no mundo” e deixar a vaga para os reais clientes do local. De lá segui para o Estuário…

COMPLEMENTO:
Amigo, belo trabalho o seu , mas , apenas uma correçãozinha, se voce me permite. A estação de Santos,  na avenida Ana Costa com a avenida Francisco Glicério, entre os bairros do Gonzaga com o Campo Grande, foi construída pela Estrada de Ferro Sorocabana, e não pela Southern São Paulo Railway (a conhecida Santos a Juquiá ). Esta estação é irmã gêmea da Estação da Luz e ambas são de 1937-38 e hoje, 2014 , abriga o forum da cidadania de Santos. Observação: a cidade de Santos detesta tanto as linhas como os trens que passavam por alí, pois diziam que os maquinistas buzinavam muito, acordando-os de seus sonos, e mais, diziam “as autoridades, que a linha da Sorocabana dividia a cidade em duas partes e de forma terrível (diziam eles) desvalorizavam os imóveis localizados na parte centro das linhas da velha Estrada de Ferro Sorocabana. Estas linhas, da famosa Santos a Juquiá, eram na verdade desde de 1914, as linhas da Southern San Paulo Railway, ou Southern São Paulo Railway, que fazia parte de um grande projeto de Percival Farqhuar (investidor e especulador franco americano, nascido na Pensylvania – EUA) sim, seu projeto aceito pelos governos federais brasileiros republicanos, era de unir a região sudeste a região sul do brasil e os países limítrofes, como Argentina, Paraguai , etc…  Deste projeto inacabado, surgiu a famosa guerra do contestado. Obrigado amigo, vi suas filmagens e sou fã de todos os seus vídeos . Salve o trabalho “Estações Brasileiras Marcelo Tomaz “, pois é daqueles que você não consegue parar de assistir e até perde alguns compromissos só para ver os videos. Maravilhoso trabalho amigo. José Marques. (do canal  setevezessete49  no youtube , onde estão os vídeos chamados “poesia ferroviária”). – Enviado por José Marques em 12/02/2014

FOTOS DO LOCAL:

MAPA DO LOCAL:

POSTER DA ESTAÇÃO:
A cada estação visitada, seleciono uma imagem que julgo melhor refletir a expedição e a transformo num poster, unindo texto e imagem numa combinação de apelo bastante visual.
POSTER ANA COSTA

POST ABERTO À COLABORAÇÃO:
A partir da publicação de cada post inicial pelo autor, fica aberto aos colaboradores e interessados, o envio de materiais para mantermos atualizadas as informações sobre cada estação. Este site tem como principal objetivo resgatar através imagens, vídeos e textos um pouco da história ferroviária do país. Todo o conteúdo de cada post inicial é original e produzido pelo próprio autor e sua equipe de viagem, visando contribuir de fato, para o crescimento do acervo de informações sobre cada estação, sua história e seus personagens.

Conteúdos Relacionados:

1Comentários

  1. 29/08/13 às 1:13
    marcos antonio silva.:

    ano de sua construção foi dada em 1913 de la para cá o que mudou nesse segmento chamado ferrovia.a velha estação ainda resiste com o passar dos anos.mais o que parece está bém conservada pela prefeitura de santos.por onde um dia trafegou-se sonhos alegrias é esperança nada restou da velha famosa que se refere-se ferrovia tudo foi retirado.para que é porque dessa desátivações que estámos vendo em toda essa reportagens.qual interese de deixar de atuar nesse segmento nessa região.o que ocorre dentro dos gabinetes desses politicos na hora de tomar essas decisões a respeito de desátivar essa ou aquela ferrovia qual na verdade tem por trás de tudo isso.jogo de gato ou rato ou na verdade são apenas mais descaso com esse meio de transporte que tanto se falou no passado desté a sua construções.é hoje tudo largado é esquecido desátivado a merce da propria sorté.de um lado politicos sem qualificações para atuar junto a população de outro lado o governo que tem de pedir opinião a base para fazer ou desfazer o que está pronto para a população no geral.está é a história de um projeto que deu certo no passado. hoje está tudo na mãos de grupos extrangeiros como logisticas.quem dá o aval para elas atuar com aquilo que estava pronto deste do inicio do secúlo.abs marcelo.

Deixe seu Comentário